Notícias

“Se liga, consumidor!” dá dicas de como economizar na conta de energia elétrica com Rosemeire Costa

publicado: 28/02/2020 15h17, última modificação: 28/02/2020 15h17
O benefício concede desconto de até 65% na tarifa, de acordo com a faixa de consumo de energia: “Quanto menos você consome, mais desconto você tem”, explica Rosemeire.
MINIATURA ROSI_PARTE 1.png

Brasília,28/02/2020- O “Se liga, consumidor!” desta semana mostra que é possível gerenciar a fatura de energia elétrica para pagar menos no fim do mês. Quem fala sobre o tema é a diretora-geral do Procon de Campo Grande (MS), Rosemeire Costa.

A primeira dica é a Tarifa Social de Energia Elétrica, destinada a unidades residenciais de famílias com baixa renda. O benefício concede desconto de até 65% na tarifa, de acordo com a faixa de consumo de energia: “Quanto menos você consome, mais desconto você tem”, explica Rosemeire.

Outra dica para gastar menos é observar as bandeiras tarifárias, que sinalizam o custo da geração de energia em um determinado período. A ideia é que o consumidor possa reduzir o consumo quando a eletricidade está mais cara. A bandeira verde indica uma tarifa sem acréscimo. A bandeira amarela e a vermelha indicam um custo acima do normal, e nesses casos a conta sofre acréscimos de até R$ 6 a cada 100 kWh.

“Quando isso acontecer, não deixe aparelhos ligados em stand by e limite o uso de equipamentos como ar condicionado, máquina de lavar e ferro de passar”, aconselha Rosemeire.

O programa quinzenal “Se liga, consumidor!” é uma parceria do MPDFT com a Escola Nacional de Defesa do Consumidor da Senacon. Trata-se de uma série de vídeos curtos, com linguagem fácil e objetiva, em que especialistas abordam o dia a dia das relações de consumo e esclarecem dúvidas sobre direitos básicos garantidos pelo Código de Defesa do Consumidor.

Clique aqui e assista o vídeo na íntegra