Destaque

Traficante italiano é extraditado da Argentina para o Brasil

publicado: 12/06/2019 17h36, última modificação: 26/08/2019 12h32
Os procedimentos para efetivação da medida foram realizados pelo Departamento de Recuperação de Ativos e Cooperação Jurídica Internacional (DRCI)
Extradicao_extenso.jpeg

Brasília, 12/06/2019 - Nesta quarta-feira (12), o nacional italiano Carmello Cicciarella foi extraditado da Argentina para o Brasil. Cicciarella foi condenado pelo Juízo da 8ª Vara Federal do Rio de Janeiro a pena de dois anos e quatro meses de reclusão e 233 dias-multa pela prática do crime de tráfico internacional de drogas.

A ação teve como fundamento o Tratado de Extradição firmado entre os dois países e promulgado pelo Decreto nº 62.979, de 11 de julho de 1968.

Os procedimentos para efetivação da medida foram realizados pelo Departamento de Recuperação de Ativos e Cooperação Jurídica Internacional (DRCI) da Secretaria Nacional de Justiça, Autoridade Central Brasileira, com auxílio da Polícia Federal/Interpol e do Ministério das Relações Exteriores (MRE).