General

DRCI seleciona chefe de divisão para Cooperação Jurídica Internacional Penal

publicado: 03/02/2014 09h57, última modificação: 20/02/2014 10h35

Novo ocupante do cargo irá coordenar a tramitação de pedidos de auxílio direto e cartas rogatórias entre o Brasil e países estrangeiros

O Departamento de Recuperação de Ativos e Cooperação Jurídica Internacional da Secretaria Nacional de Justiça (DRCI/SNJ) seleciona profissional de Direito ou Relações Internacionais para o cargo de Chefe de Divisão de Cooperação Jurídica Internacional em Matéria Penal (DAS 101.2). O novo ocupante do cargo atuará na cooperação jurídica internacional em matéria penal, coordenando a tramitação de pedidos de auxílio direto e cartas rogatórias entre o Brasil e países estrangeiros, analisando, revisando e gerenciando os referidos pedidos de cooperação, gerenciando equipe de analistas e fazendo contatos com autoridades estrangeiras e brasileiras para fins de instrução de investigações criminais e processos penais.

Para participar da seleção, é necessária graduação ou estar cursando Direito ou Relações Internacionais, a partir do 4º ano do curso, e fluência em inglês e espanhol, com boa leitura, redação, compreensão e fala. É desejável experiência anterior em órgãos públicos; conhecimento prático ou teórico sobre cooperação jurídica internacional, noções de processo penal e conhecimento sobre a estrutura do sistema judiciário, órgãos de persecução e investigação criminal. A remuneração do DAS 101.2 é de R$ 2.741,50 (valor integral) ou valor opcional de R$ 1.644,90 (para quem já é servidor público).

Os currículos devem ser encaminhados, juntamente com carta de apresentação com o máximo de 30 linhas, para o e-mail: cooperacaopenal@mj.gov.br, até o dia 14 de fevereiro de 2014, com o campo assunto "Seleção DAS 101.2 - Chefe de Divisão de Cooperação Jurídica Internacional em Matéria Penal". Haverá avaliação curricular e entrevista com os candidatos selecionados. Para mais informações, acesse o edital.