Notícias

Grupo de trabalho finaliza construção da Estratégia Nacional de Inteligência de Segurança Pública

publicado: 16/03/2020 17h43, última modificação: 16/03/2020 17h43
Documento será diretriz para construção do Plano Nacional de Inteligência de Segurança Pública
WhatsApp Image 2020-03-13 at 4.37.55 PM.jpeg

Brasília, 16/03/2020 – Em conjunto com agentes públicos de inteligência de todo o país, o Ministério da Justiça e Segurança Pública concluiu, na sexta-feira (13), a construção da Estratégia Nacional de Inteligência de Segurança Pública. A apresentação contou com a participação do secretário de Operações Integradas Rosalvo Ferreira Franco, do secretário Adjunto Washington Luiz Santos, do diretor de Operações Cezar Augusto Martinez, do coordenador-geral de Fronteiras Eduardo Maia Bettini e da coordenadora de Doutrina e Capacitação, Márcia Alencar Machado.

O trabalho é um desdobramento da Política Nacional de Inteligência de Segurança Pública, finalizada em novembro e foi coordenado pela Diretoria de Inteligência da Secretaria de Operações Integradas (Seopi). O documento segue para análise e sugestões das Agências de Inteligência das Unidades Federativas antes de ter sua versão final publicada.  A Estratégia servirá como direcionamento para a construção do Plano Nacional de Inteligência de Segurança Pública. As discussões terão início em breve com a formação de um grupo de trabalho.

O Brasil já possuía uma Estratégia Nacional de Inteligência, no entanto, carecia de um documento direcionado para ações de inteligência de Segurança Pública, conforme definido pelo Sistema Único de Segurança Pública (Susp) e da Política Nacional de Inteligência de Segurança Pública e Defesa Social ( PNSDS) por meio da lei 13.675, de 11 de junho de 2018.