Notícias

Moro autoriza a entrada de células para transplante no País

publicado: 02/04/2020 16h42, última modificação: 02/04/2020 16h42
Medida atende a pedido da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)
MJSP.jpeg

Brasília, 02/04/2020 - O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, determinou que a Polícia Federal autorize a entrada de estrangeiros portando células destinadas ao transplante de medula óssea. A decisão de Moro foi tomada a pedido da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A Anvisa havia feito um alerta de que a portaria que restringiu o ingresso de estrangeiros no Brasil, editada pelo ministro como medida preventiva para conter a pandemia do novo coronavírus, poderia impedir a entrada de portadores das chamadas células progenitoras hematopoiéticas (CPH) no país. As CPH são usadas no transplante de medida óssea e, a partir de agora, passam a elencar o rol de exceções da portaria.

Clique aqui e leia a decisão. 

 "O ingresso no Brasil de estrangeiro portando CPH para transplantes pela modalidade de bagagem acompanhada é de evidente interesse público, inserindo-se na exceção de entrada permitida em portaria interministerial. Autorizo desde logo que estrangeiros portadores de células progenitoras hematopoiéticas para transplantes ingressem no Brasil sem as proibições decorrentes da pandemia do novo coronavírus", diz a decisão do ministro.

error while rendering plone.belowcontenttitle.contents